Crítica | Cinderela


Dirigido por Kenneth Branagh (Operação Sombra, 2014), e estrelado por Lily James (Fúria de Titãs 2), o novo filme da Cinderela veio para quebrar muitos esteriótipos que habitam dentro dos contos de fadas desde sua origem.

As histórias sempre se iniciam com uma garota que tem uma vida horrível, e que é extremamente frágil e enjoativamente doce. Mas nesta nova produção a Disney nos trouxe uma história clássica com uma roupagem totalmente diferente e com sutis alterações no clássico de 1950.


Ao contrário do que muita críticas afirmam, Cinderela não me pareceu uma produção machista, pelo contrário. Lily James interpretou uma Cinderela diferente do comum, uma Cinderela frágil sim, mas com uma coragem fora do comum.

" Tenha coragem e seja gentil"

Durante toda a história esperamos que o príncipe apareça para resgatá-la daquela vida cheia de lágrimas e dores causadas exclusivamente por sua madrasta (Cate Blanchett). Mas o que acontece é totalmente o contrário, ela que o liberta e lhe mostra que precisa ser corajoso o suficiente para encarar o rei e mostrar que seu real desejo é casar-se com uma plebeia.

Algo que preciso ressaltar é a aparência de Helena Boham interpretando a fada madrinha. Quem conhece os trabalhos da atriz, sabe o quanto ela é competente, e em Cinderela não foi diferente. Mas me incomodou demais o fato de ela está usando os dentes do Willy Wonka interpretado pelo Johnny Depp em A Fantástica Fábrica de Chocolate, isso foi extremamente desconfortável e um tanto quanto estranho.


Em suma, Cinderela veio para me deixar extremamente feliz com sua mudança inesperada de roteiro, tornando a história muito mais interessante aos meus olhos que não viam uma história de conto de fadas como algo bom há bastante tempo. E que as próximas adaptações continuem nos surpreendendo desta forma tão bela.

Share this:

Um comentário :

  1. Grande filme que eu realmente gostei. Embora prefieron ver agora que está dentro do programação HBO porque não há muito bloqueio e desfrutar como deveria. A qualidade da produção é muito bom.

    ResponderExcluir

 
Copyright © Free Time. Designed by OddThemes