Resenha | Percy Jackson e os Deuses Gregos - Rick Riodan


"Coloquem seus óculos de segurança e suas capas de chuva. Vai ter sangue."

Quem acompanha o blog a mais tempo, sabe o quanto eu amo mitologia grega, nórdica, indiana, egípcia, e tudo o mais que envolver crenças mitológicas. Por isso tornei-me uma leitora dedicada a Rick Riodan, e nunca me decepcionei com nenhum livro dele e a quem interessar possa, estou no segundo livro dos Heróis do Olimpo.

Em Percy Jackson e os Deuses Gregos vemos a origem dos deuses através de Percy, isso mesmo, o próprio Percy nos conta a origem de tudo, e conhecendo a personalidade do nosso semideus, já podemos imaginar a forma como ele conta como tudo aconteceu. Com isso, posso garantir a vocês, que não existe melhor maneira de estudar mitologia grega que através das explicações sinceras e cômicas de Percy.

Desde o Caos, passando por Urano e Gaia, Percy nos mostra com detalhes a árvore genealógica extremamente confusa da mitologia. Os tantos irmãos que se casaram com outros irmãos, sobrinhas casando com tios, titãnides tão pouco conhecidas, mas assim como o tão temido Cronos, filhas de Gaia.

Conselho de amigo: se você não quer ter filhos, não se case com a titã da maternidade.”

O melhor do livro é como nos são apresentados titãs que nunca ou mal aparecem nas histórias de heróis. Como Nix a tinãnide da noite, ou Mnemosine a titãnide que se lembra de absolutamente tudo, e por conseqüência titãnide da Memória. Além de Héstia, primeira filha de Cronos que quase ninguém sabe que um dia ela existiu, e a primeira deusa a nascer e que logo foi morar no estômago de Cronos.

Mesmo sendo um livro que conta como tudo começou Riodan não deixou de fora os momentos de fantasia que tanto amamos. Quando titãs e deuses mostram seu poder através da natureza ou através de suas batalhas. Quem conhece a escrita de Rick sabe o quanto suas batalhas são bem escritas e o quanto ele é capaz de criar cenas memoráveis.

A linguagem usada no livro não é nem um pouco complicada o que nos faz entender muito bem tudo que está acontecendo, mesmo quando algo fica complicado, afinal são muitos nomes, muitos filhos, muitos titãs, muitos deuses, bom vocês entenderam.

 “Além do mais, os centímanos e os ciclopes eram almas boas. Apesar da aparência, eles
eram bons em construir, não em lutar. Era só dar um balde de Lego para os sujeitos e eles passariam vários dias felizes.”

Conhecemos tudo desde o início e muitas das lacunas que poderiam existir em nossa mente são preenchidas com os detalhes dos acontecimentos passados que Percy nos conta. Pra quem já leu Percy Jackson e os Olimpianos muitas coisas farão mais sentido agora, e pra quem não leu ainda bom, primeiro que vocês estão perdendo algo maravilhoso, segundo que se vocês lerem Percy Jackson e os Deuses Gregos antes, a experiência da leitura da série completa, será bem melhor.

Por mais absurdo que possa parecer Rick se superou, criando uma forma completa e divertida de aprendermos mais sobre os deuses, e claro nos deixou infinitamente mais apaixonados por esse semideus.

Então, se você ainda estava se perguntando se deveria comprar esse livro, bom, espero ter lhe dado todos os motivos para você ir agora mesmo adiquirir o seu e se tornar um Expert em mitologia grega. 

Lembrando que logo será lançado “A Espada do Verão”, primeiro livro da série de mitologia nórdica também de Rick Riodan, então vai separando as economias porque essa série vai vir pra consagrar ainda mais esse homem que nos deixa sempre de olhinhos brilhando com suas histórias incríveis e seus heróis inesquecíveis.


Share this:

Postar um comentário

 
Copyright © Free Time. Designed by OddThemes